Ministério do Turismo recebe grupo espanhol que estuda investimento bilionário no Brasil

Últimas notícias

Plano é investir R$ 3,3 bilhões em projetos imobiliários no litoral norte da Bahia; 10.500 empregos serão gerados nos próximos anos

Por Rafael Brais

Ministro Marcelo Álvaro Antônio com o embaixador da Espanha no Brasil, Fernando Casas Garcia. Crédito: Roberto Castro/MTur

O ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, recebeu nesta quarta-feira (2), em Brasília, o grupo espanhol Prima Empreendimentos Inovadores, que promete investimento bilionário no Brasil nos próximos 15 anos, com geração de emprego e renda. O objetivo do MTur é incentivar o investimento privado no turismo e atrair cada vez mais a atenção do mundo para o destino Brasil.  O embaixador da Espanha no Brasil, Fernando Casas Garcia, participou da audiência.

O grupo espanhol Prima possui vários investimentos no Brasil, como o Hotel Fasano, em Salvador, considerado um dos 100 melhores do mundo pela revista Time. A empresa possui planejamento estratégico pautado nas questões sociais e na proteção ambiental. Antes da execução de qualquer projeto, a empresa desenvolve ações que contemplam uma série de trabalhos sociais. O objetivo é preparar as comunidades locais para uma nova realidade a partir dos novos empreendimentos. Os novos projetos turísticos vão injetar, nos próximos 15 anos, R$ 3,3 bilhões de reais no litoral norte da Bahia, gerando mais de 10.500 empregos.

O ministro do Turismo reforçou o novo momento do Brasil, focado em desburocratizar gargalos que travam o desenvolvimento, e destacou as potencialidades do turismo no território brasileiro. Álvaro Antônio ressaltou ainda a disposição do governo federal em trabalhar em conjunto com a iniciativa privada para estimular o setor, uma das vertentes atuais na economia no país. “O foco do governo do presidente Jair Bolsonaro é acabar com gargalos que impedem o crescimento do Brasil. Avançamos bastante desde o início do ano e estamos trabalhando para transformar o Brasil numa referência para o turismo mundial”, afirmou.

Ao Grupo Prima, o ministro afirmou que o MTur vai trabalhar em conjunto com o Ministério da Infraestrutura e com o BNDES para analisar as demandas da empresa e marcar uma audiência conjunta para dar condições ao empreendimento que vai gerar muitos benefícios para a Bahia e para o Brasil. “Temos tudo para crescer no turismo e os números recentes nos mostra isso. Nosso interesse como governo federal é fazer com que o Brasil passe a fazer parte dos principais destinos turísticos do mundo”, disse.

De acordo com o diretor-presidente do Prima, Ruben Escartin, a intenção do grupo é não criar apenas um projeto, mas um destino turístico. “O Brasil possui um potencial turístico muito grande. No litoral norte da Bahia tem tempo bom quase o ano todo, não há fenômenos naturais, como tempestades ou furacões. Com uma infraestrutura adequada, o local pode ser tornar uma nova Riviera Francesa”, apostou.

Fonte oficial: Ministério do Turismo

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Locomotiva Viagens. Lembramos ainda que o Locomotiva Viagens é um site jornalístico, que apenas divulga as promoções de passagens aéreas, ele não vende nenhum produto ou serviço. Você deve comprar na empresa de sua preferência, sempre observando as regras de cada passagem.

Comentários